Mais FM – Veja a vida com Alegria!

menu x
menu x

NOTÍCIAS

Bolsonaro contraria ministro Paulo Guedes e veta aumento de cerveja, cigarro e doces (26/01/2020)

O brasileiro não precisará desembolsar mais para continuar consumindo cerveja, cigarro e itens que tenham açúcar na composição. O ministro da Economia, Paulo Guedes, sugeriu a mudança na tributação desses produtos, no entanto, o presidente Jair Bolsonaro garantiu que o aumento está descartado.

Guedes chegou a justificar que o aumento seria para igualar o Brasil a países onde o chamado “imposto do pecado” é mais alto para incentivar a redução no consumo desses itens. Mas o presidente Bolsonaro declarou que muitas pessoas consomem açúcar todos os dias e, por isso, é contra a proposta.

O ministro sugeriu a mudança em meio a análise da reforma tributária (PEC 293/04) no Congresso Nacional. A ideia era aproveitar as alterações que serão feitas pelos parlamentares para incluir o aumento dos tributos para cerveja, cigarro e açúcar.

NOTÍCIAS

PUBLICIDADE

shares